Aprovado projeto que integra catadores à coleta seletiva de Porto Alegre

Foi aprovado ontem por unanimidade na Câmara Municipal de Porto Alegre (num acesso de lucidez) o projeto dos triciclos a pedal que prevê a integração dos catadores de materiais recicláveis na coleta seletiva da cidade.

Os catadores que hoje utilizam carroças ou alugam carrinhos, que chegam a custar até R$90 por mês, terão a possibilidade de comprar de maneira financiada triciclos de carga.

Os catadores, que prestam um grande serviço à cidade, terão assegurada a continuidade do seu trabalho e meio de sobrevivência, que estavam ameaçados desde a aprovação da gentrificadora lei que previa o fim da circulação de carroças e carrinhos na cidade.

Esse post foi publicado em políticas públicas. Bookmark o link permanente.

12 respostas para Aprovado projeto que integra catadores à coleta seletiva de Porto Alegre

  1. Isso é excelente. Quero parabenizar as pessoas e organizações que participaram da formulação do projeto e disponibilizar a Net Impact (netimpactpoa.org) para possíveis projetos em conjunto.

  2. Guilherme disse:

    Não creio.
    Vão continuar atrapalhando o transito e sujando a cidade deixando rastros de lixo nas ruas.
    Espero que a prefeitura de uma aula de educação pra eles tambem, e que coloque algum tipo de PENA/MULTA para quem for pego deixando lixo aberto ou restos nas calçadas.

    • Olavo Ludwig disse:

      Guilherme, tua sensibilidade é zero!

      Quanto ao trânsito de carros, que deve ser ao que te referes, ele já é bastante atrapalhado pelos próprios carros, não precisa o catador ajudar.

      Quanto ao lixo espalhado, com a história dos containers, e uma campanha educacional isso pode ser muito bem resolvido.

    • Marcelo disse:

      A tal campanha de educação, não tem que ser voltada apenas aos catadores, Guilherme, mas à toda população. Se as pessoas que produzem o lixo, fizessem a separação, os catadores não teriam que abrir os sacos e literalmente enfiar a mão na merda para recuperar materiais recicláveis. Com os sacos inteiros, seria fácil transportá-los sem sujar a cidade.

      Quanto ao trânsito, afff, é o trânsito de carros particulares que atrapalha a cidade.

      Os catadores fazem um serviço importantíssimo para a cidade sem nos cobrar nada, e ainda tem gente que reclama.

    • Melissa disse:

      Além do que, Guilherme, esse projeto é muito importante pra acabar com a escravidão dos cavalos que puxam carroça, que morrem no asfalto por maus tratos.

      Tua posição é bem insensível mesmo. Imagina os catadores, que ganham uns 100 reais por mês pra sustentar a família, terem que pagar MULTA pro governo (e esse dinheiro ir parar na cueca de sei lá quem).

  3. Pingback: Tweets that mention Aprovado projeto que integra catadores à coleta seletiva de Porto Alegre | Massa Crítica – POA -- Topsy.com

  4. Andre disse:

    Achei muito interessante este matéria.
    Parabéns pelo blog.

  5. Daiane disse:

    Querido GUILHERME,
    se existe alguém nesse mundo que precisa ser educado é você. E essa, seria uma Educação Ambiental que lhe falta, sem contar a ignorância sobre o assunto. Como dito já em comentário acima, se houvesse dentro das residências a coleta seletiva, não existiria esse tipo de problema, e certamente na SUA residência não há, então como bom cidadão, comece hoje mesmo, assim nenhum catador “fuçará” o seu lixo. E ninguém te agradecerá, a obrigação é nossa de agradecê-los pelo lindo e útil serviço que nos prestam, apesar do mísero salário que recebem. Agradeça todo dia pelo catador de lixo que passa em seu bairro. O mundo agradece a eles, e não a nós que não fazemos a nossa obrigação e estamos aí sujando o nosso ambiente cada dia mais.
    Espero que cresça uma conscientização em você, e nos poupe de ler esses comentários sórdidos.

    No mais, parabéns pelo post. Necessitamos de informações cada dia mais, para aprendermos e darmos valor ao nosso mundo.

  6. Daniel disse:

    Eu costumo deixar o meu lixo reciclável já devidamente classificado, às vezes até em caixa de papelão ou em saco transparente que já facilita a identificação e mesmo assim sempre tem algum porco para rasgar o saco com o lixo orgânico.

  7. Rogério Ferreira disse:

    Valeu mesmo, cara!
    Gostei muito da idéia, sim.
    Não sou catador de lixo, mas conheço algumas pseudo-cooperativas de catadores daqui de São Paulo.
    Eles retiram o material reciclável nos bairros residenciais e comerciais em dias alternados ao do lixo orgânico. Geralmente uma vez por semana, e em horários pré-definidos.
    Mas o mais interessante: É o comprimento do carrinho.
    Veja que nem os carros motorizados possuem o compartimento de carga com o comprimento projetado no desenho.
    Não sei se ficaria muito pesado, mas com marchas; penso que funcionasse muito bem.
    Também seria muito útil a outras atividades… Entregadores, ambulantes e até sem tetos.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s